A trama envolvendo Mino Pedrosa

O envolvimento de Mino Pedrosa com Carlinhos Cachoeira já estava na cara.

O site Brasil247 mostrou trechos de escutas telefônicas que mostram isso, mas não mostrou todos os detalhes.

Nas conversas envolvendo Mino Pedrosa é mostrado que os promotores Wilton Queiroz de Lima e Libânio Alves Rodrigues informavam Dadá. Também fica claro que há um encarregado de passar as informações para jornalistas chamado Lulinha. Existe uma filmagem feita pelos arapongas com Sandro Avelar – secretário de segurança pública do Distrito Federal e Eric Sebba e esta filmagem deveria ser usada para chantagear os dois.

O vice-governador do Distrito Federal, Tadeu Filippelli (PMDB),  estava tramando contra o governador e pagava jornalistas para atacar Agnelo, como Edson Sombra e o próprio Mino Pedrosa com um salário de R$ 100 mil. Que a cunhada do Mino Pedrosa trabalha pro senador Demóstenes Torres e que Mino Pedrosa ganhou um apartamento de Carlinhos Cachoeira.

Carlinhos, no entanto, não considerava Mino Pedrosa um jornalista importante.

*

*

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s